DIÁRIO DE BORDO

22/08/2019

Uni-duni-tê

Quem já não se viu angustiado diante de algumas decisões?

Isso é especialmente difícil quanto maior o número de opções e variáveis...

Que camiseta colocar?

Que prato pedir no restaurante?

Que vinho escolher para presentear um amigo?

Essa variedade de possibilidades acaba sobrecarregando nossos circuitos cognitivos, gerando falta de concentração para realizar tarefas que exigem raciocínio.

Esta é a conclusão de um estudo publicado no Journal of Personality and Social Psychology assinado por pesquisadores de quatro universidades americanas.

A todo momento nos deparamos com a dificuldade de ter que fazer escolhas. Ansiedade, insegurança, dúvidas...

Agora imaginem ter que escolher em uma lista com mais de 400 opções, dos tipos mais variados tamanhos, preços, setores e histórias...

db_15082019_img_01

Quais as ações certas para ter em seu portfólio?

O gráfico acima representa 100 das maiores empresas de capital aberto listadas na Bolsa de Valores brasileira.

Ao todo, a Bolsa tem hoje 327 empresas listadas, totalizando aproximadamente R$ 4 trilhões de valor de mercado (em 20/08/2019, segundo dados da B3). Nem couberam todas no gráfico!

Como escolher entre tantas ações? O que de fato define uma empresa como boa? Em que sentido? Sob que ponto de vista? Qual delas tem o maior potencial de ganho?

Ficou mais perdido ainda?

Salamê minguê. O sorvete colorido escolhido foi ...



A escolha certa: Vitreo MAB Plus FIA

O novo produto da Vitreo escolhe as ações por você. Com ele você estará bem posicionado em renda variável no Brasil, de forma simples e prática.

Imagine poder colocar em prática as melhores ideias de investimento em ações da Empiricus, sem precisar comprar ativo por ativo.

Com o Vitreo MAB Plus FIA isso será possível e o que é melhor... financeiramente acessível.

Com apenas R$ 5 mil você poderá investir, de uma vez, em mais de 20 empresas listadas na Bolsa, combinando diferentes estratégias para aproveitar vários diferentes momentos do ciclo econômico.

Esse fundo combina as sugestões das séries “As Melhores Ações da Bolsa” e “Microcap Alert” em uma alocação equilibrada de empresas de qualidade, dos mais variados setores e tamanhos.

Max Bohm, João Piccioni e a equipe de editores analistas mergulha nesse mundo de ações e aponta as melhores oportunidades de investimento.

Assim como nos outros fundos da Vitreo, eu e a equipe de gestão, fazemos um segundo nível de análises e implementamos as escolhas na carteira do fundo.

Outras informações sobre o MAB Plus podem ser acessadas no site da Vitreo.



O momento certo

Se você está acompanhando os principais acontecimentos da economia, deve saber que estamos vivendo um momento extremamente importante para a renda variável. Se você parar para pensar, em agosto de 2016 tínhamos uma taxa de juros de 14,25%.

Essa taxa está, hoje, em 6,0%, sinalizando que cairá ainda mais. A taxa de juros baixa reduz potencialmente as chances de ter ganhos efetivos com a renda fixa.

Isso acontece por motivos estruturais e conjunturais. A economia dá sinais de melhora e hoje contamos com a menor de todas as taxas de juros da história.

Algumas manchetes de jornais evidenciam o quanto as aplicações em renda fixa estão comprometidas com essa queda.

db_15082019_img_01

Fonte: Folha de São Paulo

Por isso, investir em ações tornou-se crucial para aumentar o potencial de retorno das carteiras.

O que estamos oferecendo aqui é a chance de você se expor a diferentes ações, com a diversificação e balanceamento adequados, para capturar os movimentos de mercado que virão a seguir.

É fundamental lembrar que o MAB Plus tem um risco elevado. Afinal, apesar da diversificação de papéis, trata-se de um fundo que investe em uma única classe de ativos, renda variável. Assim, a decisão de investir no fundo deve levar em conta o seu horizonte de investimento e estar adequada ao seu perfil de investimento.



Mercados voláteis

Falando em mercados, este mês eles estão particularmente agitados.

A possibilidade de uma recessão global assustou os investidores mundo afora, causando grande volatilidade nos preços dos ativos.

A curva de juros dos EUA está invertida, ou seja, existe uma expectativa de que os juros (e a inflação e o ritmo da economia) sejam menores, no futuro, do que os níveis de hoje. Isso abriu discussões calorosas entre os economistas do mercado financeiro.

E os mercados, como sempre, exageraram em seus movimentos, transformando um sinal de alerta em uma certeza frenética.

Com isso, sofreram os preços dos ativos de risco nas nossas carteiras, principalmente as ações. A queda não é permanente, mas pode assustar. A Bolsa brasileira chegou a cair quase 7% desde seu ponto mais alto (quase 106 mil pontos), no início de julho, até meados deste mês, quando voltou para perto dos 99 mil.

Por isso é essencial diversificar e ter proteções nas carteiras, como o dólar e ouro, para diminuir a variabilidade dos preços de mercado.

Assim a carteira fica um pouco mais estável para navegar nesses momentos de turbulência, e continuar no caminho para atingir os objetivos de retorno de longo prazo.

O resultado é que mesmo neste cenário de alta volatilidade, todos os nossos fundos seguem performando muito bem.



O que vem por aí... mais uma novidade

Se você leu o Diário de Bordo da semana passada, vai achar que eu estou repetindo esta parte do texto. Pode parecer, mas não estou...

Até o final do mês lançaremos um novo produto. Ele também vai atender a inúmeros pedidos que temos recebido de clientes como você, que estão em busca das melhores oportunidades de investimento.

O produto vai buscar inspiração nas ideias do Rodolfo Amstalden, sócio fundador e co-CEO da Empiricus.

Então, aguente firme que na próxima semana conto mais detalhes.



Lado a Lado com o gestor: férias...

Durante as férias foi difícil conseguir trazer os gestores para gravar conosco. Em breve traremos mais conversas interessantes para dividir com vocês.

Se você não assistiu todas as conversas que já fizemos, elas estão disponíveis no nosso canal do Youtube ou em podecasts. Vale a pena conferir.

ca-02082019-img-01



Webinar: FoF SuperPrevidência 2

Estive hoje lado a lado com Felipe Miranda, CEO e estrategista-chefe da Empiricus, e toda a equipe da publicação "Os Melhores Fundos de Investimento", esclarecendo dúvidas sobre o FoF SuperPrevidência 2. Falamos sobre a carteira do fundo, sobre os novos gestores, sobre as diferenças com o primeiro FoF.


Escute o Diário de Bordo

Além de ler o Diário de Bordo em sua caixa de entrada, você pode também ouvi-lo.

Jojo e Gabi comentam as principais ideias de cada edição, com atualizações sobre os fundos e muito mais.


vitreocast

db-310719-img-05 Escute também no Apple Podcasts


Um abraço,
Jojo

db-jojo-img